31.03.08
É daquelas verdades de La Palice: ninguém gosta de acordar cedo. Ninguém. E, no entanto, há quem acorde às 6h10. E não é porque gosta... é por causa de ter aulas às 8h30. E de ter comboios de hora a hora para a Setúbal. Acordar a essa hora é difícil, de facto. E dantes, eu metia um telemóvel velho a acordar-me, com o som do cantar dum galo (não o que vem com os Nokias, mas um gravado por mim. The real deal, portanto); porém, decidi mudar de abordagem por esta ser um bocadinho de choque (o sacana do galo parecia que tinha acabado de ingerir uma lata inteira de Red Bull, catano!), e passei a usar antes o rádio do mesmo... se bem que a qualidade musical do que se ouve ali é algo ruim, no que a mim me diz respeito. E acordar com frases do género "se houver chuva hoje, ela será como os adversários do Porto: fraquinha, fraquinha, fraquinha". Não é que seja mentira, mas escusavam de me lembrar...
Bom, bem conseguido, mal conseguido, lá consigo arrastar-me para fora da cama, engolir a custo uma taça de Chocapic (passe a publicidade), e arrastar-me durante dez minutos até chegar à estação...
Mais uma coisa que não percebo, e que me desculpe a malta que trabalha em Lisboa e apanha o Ferchulus: porquê correr para o comboio? C'um caneco, vocês tem comboios de dez em dez minutos, e são sete da manhã! Mesmo fora de horas de ponta, vocês só esperam, no máximo, vinte minutos pelo dito... Eu tenho comboios de hora a hora! E isso não se altera por ser hora de ponta, ou não!...
Bem, já na plataforma, lá tenho de aturar um segurança que se entretém a fazer apitar os torniquetes novos que lá meteram recentemente, e mesmo que o apito daquilo fosse a Nona Sinfonia de Beethoven, aquilo continuaria a bulir-me com os nervos.
Cá dentro da UQE (vão vocês procurar o significado, que estou mal disposto - como se ainda ninguém tivesse reparado), é outra aventura para arranjar lugar... apenas me consola pensar que os que vão para Lisboa estarão pior que eu (desculpem lá outra vez, mas é a natureza humana regozijarmo-nos com os azares dos outros).
E a Ferchulus mudou outra vez os horários. Basicamente, o comboio sai de Setúbal um minuto mais tarde (mas chega à mesma hora, por incrível que pareça). Iupi.
A chegar a Setúbal neste momento, e lá me vou eu preparar para mais duas horas de injecção de Probabilidades e Estatística. Literalmente, injecção. Aquela mulher a escrever matéria no quadro é pior que um autómato... e isto às 8h30 da manhã... parece que fez como o meu galo, e tomou Red Bull de manhã. Gostava de ser assim.
Gostava de ainda estar na cama.
Gostava, mesmo, mesmo, era de ainda estar a dormir.
disfunção original de Rodolfo Dias às 07:45
 O que é?

Bem, pode ser que estivesses a tentar comover-nos com a tua descrição. Mas a mim já me fizeste rir!! :-)
Cumprimentos e...boas madrugadas
daplanicie a 31 de Março de 2008 às 19:23

Twitter button
Este web-log não adopta a real ponta de um chavelho. Basicamente, aqui não se lê nada de jeito. É circular, c...!
Twitter
enviar spam
Março 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
12
13
14
15

17
18
19
20
21
22

23
25
26
28
29

30


vasculhar
 
Disfunções mais velhas que a sé de Braga
2016:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2015:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2014:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2013:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2012:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2011:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2010:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2009:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2008:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2007:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2006:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2005:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


Networked Blogs
origem
blogs SAPO