26.04.07
Podia dizer que este post é mais um daqueles que é "fazer por fazer", baratucho, sem conteúdo... quer dizer, e se calhar até é, não sei. No entanto, as cerca de uma pessoa que me visitam sabem que eu gosto muito de cuspir na mão que me dá de comer, por isso... por isso que me desculpem, mas vou ter de atirar um calhau a esse magnífico fenómeno - no qual, como se vê, estou inserido - que é a blogosfera. E agora, sendo um bocado mais específico, que me desculpem, mas o calhau tem um destinatário um bocado mais específico, que é a vasta maioridade (e quero realçar o "maioria" neste caso - como em tudo, há excepções) dos web-logs femininos. Não que tenha algum problema com o facto deles existitem (a liberdade de expressão é uma coisa muito apreciada por estes lados)...
.... só com o seu aspecto.
É que sempre que entro num, tenho de esperar quase uns dez minutos antes que todas as coisinhas que lá foram adicionadas acabem de carregar para poder fazer uma coisa insignificante que é... ler (e dai graças por já termos evoluído as nossas conexões; se ainda vivessemos na era do 56K tínhamos de esperar até ao Dia do Juízo Final); depois, lá tenho eu de ir à procura do "media player" que está a distorcer a música que tenho no Winamp. Quando, por fim, está tudo pronto e passo os olhos pela primeira linha do primeiro post, suspiro fundo e tenho de seleccionar o texto todo para conseguir perceber o que lá está escrito, que as cores usadas são mázinhas p'rós olhos. E só então é que posso passar à leitura. E nisto já se passaram uns 15, 20 minutos.
Depois, em termos de conteúdo, não deveria de dizer muito, até pelo que disse umas linhas acima, se bem que denoto a proliferação dos ditos "web-logs com atitude"... e confesso que esses me dão um bocado de comichão. Quer dizer... se a coisa fosse realmente assim, creio que o mundo, neste momento, estaria cheio de gajas a puxar o escarro, com comichão lá em baixo, a arrotar de boca aberta e a dizer palavrões a cada cinco segundos. Eu não sei, mas pelo menos não conheço nenhuma. Pode sempre ser por ter um reduzido grupo de amigos, mas... enfim, nunca se sabe.
Então e quando a malta quer comentar os posts?
Pois... estaca zero. Repetir todos os passinhos desde o primeiro, lá bem acima, o que quer dizer que é preciso quase uma hora só para ler e comentar um web-log. Mas será caso que o pessoal não tem pena dos leitores? Oh minhas amigas, há que ser funcional! O que o pessioal quer, nesta idade do instantâneo, é páginas que carreguem às três pancadas, se percebam bem... e se percebam. Pah, nada de escrever no dito "pitanhês" que é tão ilegível como imperceptível, parecendo quase mensagens codificadas... Também não vou pedir  - como se eu tivesse poder para alguma coisa - que escrevam em português corrente, que é tão difícil e cansativo, mas... ao menos que se perceba, OK? Escrever aos altos e baixos não é giro, OK? O trabalho que dá e o tempo que se gasta em carregar uma vez no 'x' é praticamente o mesmo do que carregar duas vezes no 's', boa?
Bom... já chega, o calhau também não é assim tão grande.

Boas navegações,
NvH - E a Sónia Araújo é mais baixa que eu!
disfunção original de Rodolfo Dias às 11:10
 O que é?

25.04.07
<post>
Não vou fazer um grande texto, até porque é tarde; por isso...

Há gente burra aos montes pelo mundo fora.
Querem uma prova?

Até mesmo quem não pesque nada de HTML percebe perfeitamente que este menino não pode jogar com o baralho todo... apesar de ser, sem sombra de dúvidas, algo original, eu penso que é daquelas originalidades que é bastante negativa.
Até que vi mais algumas "giras"... se encontrar novamente o site, talvez na próxima oportunidade que me apeteça voltar a isto as divulgue aqui.

Boas tatuagens.

<ps>
Hoje podia ter feito um post a respeito do 25 de Abril, até porque nunca fiz nenhum... mas isso já está muito visto. Nada como ser original. Duma forma positiva, entenda-se.
</ps>
</post>
</day>
disfunção original de Rodolfo Dias às 23:35
 O que é?

19.04.07
(mais uma vez, imagens chocantes!...)

O

(... ou não, ou não)

Esta é a prova de que, hoje em dia, já se encontra de tudo no mundo. Viva a evolução, a nossa inteligência, e os nossos polegares! Hoje apresento... a boneca insuflável para cães!

Para todos os cães que passam a vida a trepar às pernas dos donos, aqui está uma solução para aliviar os canitos e deixá-los mais aliviados! Quem disse que só os homens, essa raça tão parva e "mononeuronial" - na qual me incluo, até com um certo orgulho - é que precisam de as ter? Aliás, as mulheres, essa raça tão insensível para connosco, passa a vida a comparar-nos aos ditos quadrúpedes, vá-se lá perceber porquê...
O quê?
Ah, é verdade, as bonecas.
Pois é verdade, os cães já tem direito a uma boneca só para eles. "Rasteirinhos" ou Rottweilers, já tudo pode relaxar os nervos e meterem-se em cima das ditas, deixando as nossas pernas mais descansadas (e mais limpinhas, também...). Talvez pudessem ter investido mais em termos de look, mas, enfim, não se pode ter tudo. E também, se formos a ver bem, que look tem uma perna para os canídeos passarem a vida a saltarem-lhe para cima? É por ser comprida?
Já consigo imaginar os anúncios da Pedigree Pal quando eles lançarem um produto assim por cá...

Bons anúncios
disfunção original de Rodolfo Dias às 08:58
 O que é?

18.04.07
Que dizer dos incessantes e (aparentemente) desesperados pedidos de ajuda que nos chegam às carradas ao mail, e que nos fazem sentir culpados se os apagarmos sem fazer o reenvio?
Bom... aparentemente, isto:
Free Image Hosting at www.ImageShack.us
Bom, mais um dos casos em que uma imagem (ou neste caso, uma folha de jornal) vale mais que mil palavras, hein?

Bons e-mails.
disfunção original de Rodolfo Dias às 09:15
 O que é?

10.04.07
Antes de mais, um parênteses.
(
É óbvio, agora, com este post, que o anterior, o do encerramento deste web-log, foi apenas uma mentira de 1º de Abril. Infelizmente ninguém foi na corrida (ou pelo menos não se acusaram os que acreditaram), mas a verdade é que, ultimamente tenho andado na fossa, e com muito pouca vontade de escrever. E às vezes até que gostava de ver aqui mais uns comments, para saber que na ando a escrever p'ró boneco... mesmo que ande, OK? Bom, 'tá a fechar o parênteses.
)

Mas, ainda antes do post propriamente dito, a estreia da bolinha vermelha, que este não é para pequenitos! (sim, como se alguém se importasse com isso, até mesmo eles...)

O

Ora bem, quando eu pensava que já tinha visto de tudo no que retrata a jogos de computador e a autênticos "geeks", eis que me aparece isto. Bom, para quem na percebe inglês, aqui fica um apanhado.
Uma rapariga, que joga World of Warcraft, precisava de dinheiro virtual (sim, que não existe na realidade, apenas no servidor!) para comprar uma montada. E, como tal, decidiu deixar-se ser montada na vida real por alguém que tivesse essa quantia de dinheiro no servidor.
Bom... é só de mim ou isto já é parvo que chegue? Mas ainda não acabou.
É que esta rapariga, aparentemente, estava tão desesperada para atingir o seu objectivo, que se predispos a aceitar todas as condições que os candidatos exigissem: preferia fazer role-play, mas até podia passar sem isso, podiam ser mulheres, até podia ser um grupo, até podiam fazer sexo anal... basicamente, qualquer coisa. Desde que tivessem o dinheiro necessário no servidor em que ela estava registada.
E o que é facto é que, pouco tempo depois, apareceu alguém que lhe deu o que ela precisava!...
A sério, eu adorava fazer um comentário bem parvo ao consoante com a situação, mas... acho que esta é uma daquelas situações em que a notícia em si já é de todo ridícula, mais palavras são desnecessárias. Só mesmo um "Only in America!"

Boas jogatanas.

(não era para postar nos próximos tempos, visto estar novamente numa fase complicada em termos de criatividade; porém, esta notícia... era uma oportunidade boa demais p'ra deixar escapar.)

Num áparte, não posso deixar de mandar um abraço apertado à minha grande amiga das Confissões de uma Jovem Surda, que neste momento se encontra a atravessar um momento bastante delicado.
disfunção original de Rodolfo Dias às 00:22
 O que é?

01.04.07
Este web-log vai encerrar de uma vez por todas... Estou farto, acabou. Os meus posts não interessam ao Menino Jesus e a audiência que tenho tido ultimamente é miserável, por isso... acho que tudo tem um fim, e o deste web-log é hoje.
O futuro? Estou farto de escrever. De que me serve considerar os escritores que enchem as livrarias medíocres (e o "medíocres" é um eufemismo), se eu, afinal de contas, não recebo o crédito que mereço? Bah.

Boa viagem.
disfunção original de Rodolfo Dias às 14:27
 O que é?

Twitter button
Este web-log não adopta a real ponta de um chavelho. Basicamente, aqui não se lê nada de jeito. É circular, c...!
Twitter
enviar spam
Abril 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
11
12
13
14

15
16
17
20
21

22
23
24
27
28

29
30


vasculhar
 
Disfunções mais velhas que a sé de Braga
2017:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2016:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2015:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2014:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2013:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2012:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2011:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2010:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2009:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2008:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2007:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2006:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2005:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


Networked Blogs
origem
subscrever feeds
blogs SAPO